Google
Tecnologia

O Google e algumas curiosidades sobre a empresa

Como seria a sua vida sem o Google? Atualmente muita gente se vê dependente do buscador e imagina que nele existe resposta para tudo, inclusive para coisas que nem seríamos capazes de perguntar. Neste ano de 2018, a empresa comemorou 20 anos.

Foi em 27 de setembro de 1998 que Larry Page e Sergey Brin montaram o primeiro escritório na garagem da amiga Susan Wojcicki, hoje CEO do YouTube, para transformar o projeto de pesquisa na Universidade de Stanford em uma empresa. Dali, começaram a mudar o mundo.

Veja também: Choque térmico. Você sabe o que é?

O início

É interessante saber que o primeiro nome do buscador de Larry Page e Sergey Brin foi “BackRub”. O sistema foi criado em 1996 como um mecanismo que analisava dados baseados em backlinks, páginas da internet com redirecionamento para outra postagem — como a página de resultados do Google ou um texto com “Clique aqui para saber mais”. O curioso é que o termo significa literalmente, em português, “esfregar as costas”. Já pensou se o nome continuasse esse? Talvez a empresa não alcançasse tamanho sucesso.

O surgimento do nome ideal

Na busca por um nome melhor, os envolvidos pretendiam achar um termo que fosse relacionado a “catalogar uma imensa quantidade de dados”. O que surgiu foi o termo “googol”, que é 10 elevado à centésima potência, e “googolplex”, 10 elevado a um googol. Enquanto procurava por domínios de hospedagem, Sean Anderson, um dos assistentes de Larry e Sergey, errou a escrita da palavra e pesquisou por “Google.com”, que estava livre. A dupla curtiu o neologismo e registrou a página em 15 de setembro de 1997.

Tá faltando alguma coisa?

A página inicial do buscador é minimalista e objetiva, o que é muito bom, mas ela só começou assim porque Larry e Sergey não eram grandes conhecedores de HTML para algo mais elaborado. O estranhamento inicial foi grande: nos primeiros testes, as pessoas encaravam o monitor por vários segundos esperando que mais algum elemento fosse carregado naquela tela excessivamente branca.

Números incríveis

O Google processa em média 40 mil pesquisas por segundo, resultando em 3,5 bilhões de buscas por dia e 1,2 trilhão de buscas do no ano em todo o mundo. O site já achou mais de 30 trilhões de URLs únicas e captura cerca de 20 bilhões de sites novos a cada dia — sendo que retira vários outros por inúmeros problemas, como infringir direitos autorais. Incrível, não?

Onde tudo isso está guardado?

Além dos supercomputadores, os atuais data centers da Google são formados por conjuntos de tubulações que levam água para resfriar os equipamentos, além de incontáveis fios que, nas fotos oficiais, parecem bem organizados. As redes de fibra óptica que ligam os prédios são 200 mil vezes mais rápidas que uma conexão residencial de internet. Seis deles estão nos EUA. Finlândia, Chile, Singapura, Taiwan, Bélgica e Irlanda têm uma unidade cada.

datacenter google

Existe uma página que reúne todos os Doodles

Doodle é uma palavra inglesa para referir um tipo de esboço ou desenho realizado ao acaso, quando uma pessoa está distraída ou ocupada. No google, eles aparecem na página inicial em datas especiais e comemorativas. Para quem curte, é bom saber que todos os Doodles anteriores estão disponíveis em um só lugar: www.google.com/doodles. Tem, inclusive, o lendário doodle de 30 anos de Pac Man, que permitia disputar partidas do clássico joguinho. Se você quiser acabar com a sua produtividade, é só clicar na imagem abaixo.

O Google ama cães

O código de conduta da empresa começa com o lema não oficial “Don’t be evil” (“Não seja malvado”), mas várias outras informações interessantes estão lá. A empresa não esconde que gosta muito de cachorros — alguns funcionários do alto escalão podem levar os animais para o trabalho, e eles podem até ficar no escritório, mas atender ao chamado da natureza nos carpetes resulta em ficar de castigo em casa. Outros cães autorizados podem circular pelo campus. Gatos? “Nós gostamos de gatos, mas somos uma companhia de cães, portanto, como regra geral, achamos que gatos visitando nossos escritórios seria muito estressante”, diz o regulamento.

————————————————–

É claro que existem diversas outras curiosidades sobre o Google mas você pode pesquisar sobre isso no próprio Google, ok?






Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *