Saúde e Bem-Estar

10 alimentos para quem tem prisão de ventre

É interessante saber que a prisão de ventre, ou constipação intestinal, tem como sintomas principais: falta de disposição, queda de cabelos, unhas quebradiças, espinhas, gases e mau humor. Esse problema gera desconforto momentâneo mas pode ir muito além disso, prejudicando, e muito, a saúde do corpo.

alimentos-que-combatem-a-prisão-de-ventre

Em um artigo do IG Saúde, a nutricionista Stefania Valenta da Silva, explica que os problemas começam quando o organismo é incapaz de absorver os nutrientes necessários para seu bom funcionamento e também quando não consegue eliminar o que não serve mais. “Somente uma alimentação equilibrada, rica em fibras e à base de muita água pode estimular de forma natural o funcionamento do intestino”, afirma a profissional.

Para quem sofre com esses problemas, existe uma lista de alimentos que podem melhorar a situação. Veja:

Ameixa

A ameixa seca tem efeito laxativo natural e, já que contém alto teor de fibras insolúveis, é capaz de absorver mais água do organismo e acelerar o trânsito intestinal. Para obter resultado positivo, é preciso beber muita água. A quantidade indicada para quem sofre de prisão de ventre é de 5 unidades por dia.

Mamão

O mamão é rico em fibras, sais minerais e tem alto teor de betacaroteno, um antioxidante responsável pela obtenção indireta da vitamina A. Além disso, a fruta tem propriedades calmantes e atua como amigo daqueles que têm estômago sensível. O ideal é ingerir mamão diariamente, pela manhã. Sua avó falava do mamão para soltar o intestino? Ela estava certa!

Linhaça

A linhaça sempre está no cardápio de quem deseja perder peso. Isso porque auxilia no bom funcionamento do intestino. Ela é rica em fibras solúveis e insolúveis, e aumenta o bolo fecal, melhorando o trânsito intestinal e ainda contribuindo para a limpeza eficaz da região.

Como se não bastasse, a linhaça também reduz o risco de hemorróidas e diverticulite, que é a inflamação da parede do intestino.

O indicado é consumir uma colher de sementes de linhaça trituradas acompanhadas com leite ou iogurte uma vez ao dia, de preferência no café da manhã.

 

Leia também: Alimentos que fazem mal e você nem imaginava.

 

Abóbora

A abóbora tem alto teor de fibras, zinco, potássio e ferro – ajuda no equilíbrio da flora intestinal se consumida, no mínimo, três vezes na semana. Dica: consuma a abóbora na salada, com arroz ou como acompanhamento na hora de preparar a carne de sua preferência.

Café

As propriedades químicas do café são capazes de estimular a movimentação do bolo fecal. Mas não exagere! Em alguns casos, café demais vicia, e com isso, os nervos do cólon podem ficar cada vez mais tolerantes ao efeito estimulante da bebida, o que deixa o intestino mais preguiçoso. A dose indicada e saudável de café é de uma xícara pela manhã, todos os dias.

Verduras e legumes

Alface, rúcula, agrião, couve e abobrinha têm o poder de aumentar o trânsito intestinal, sendo facilitadores da evacuação. É sempre muito importante beber bastante água para facilitar a eliminação do bolo fecal. Para manter as vitaminas e o alto teor de fibras das verduras e legumes, o ideal é consumi-los crus nas principais refeições do dia.

Aveia

Essa a vovó me falava! A aveia é rica em proteínas, vitaminas e sais minerais. Mas seu destaque é mesmo ter alto teor de um tipo de fibra solúvel, que, em contato com a água, transforma-se em uma goma capaz de facilitar o trânsito intestinal e impedir absorção de gorduras pelo organismo. A atuação da aveia também é ótima para quem tem problemas de colesterol. Um alimento ótimo não só para quem tem problemas de intestino preso.

Soja

A soja traz vários benefícios para a saúde. Rica em proteínas, vitaminas e minerais, ela é determinante no combate da prisão de ventre por ser fonte de glutamina, um aminoácido reparador do epitélio intestinal. O alimento também reduz o nível de glicose no sangue se transformando num aliado para quem tem diabetes.

Lentilha

A lentilha contém fibras, proteína, zinco, fósforo, vitaminas do complexo B, magnésio, potássio e enxofre. A ingestão do grão facilita a redução de absorção de gorduras e aumenta o bolo fecal. É indicada a substituição do feijão pela lentilha na hora do almoço ou do jantar, de preferência, três vezes na semana.

Iogurte

O iogurte é eficiente por conter em sua composição os famosos lactobacilos, responsáveis por estimular a proliferação de bactérias benignas ao intestino, mantendo seus ritmos e funções em ordem. O produto serve como agente de manutenção da saúde da flora intestinal. Por ser prático, o alimento pode ser consumido nos intervalos das refeições como um lanche rápido e saudável. Cabe, neste caso, potencializar o efeito do iogurte adicionando uma colher de semente de linhaça.

___________________________________

Novos hábitos fazem com que possamos viver mais e melhor. Compartilhe esse post com quem você sente que precisa!






Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *