Saúde e Bem-Estar

Beber água demais faz mal e pode até matar

É interessante saber que a água é indispensável para a nossa sobrevivência. O líquido constitui 66% do corpo humano e está presente no sangue e nas células, além de preencher os espaços entre eles. O corpo perde água a todo o momento por meio do suor, da urina, fezes e expiração, entre outras “rotas de fuga”. Reabastecer os estoques é essencial, mas a reidratação também pode ser excessiva. Uma overdose de água pode ser fatal.

beber-água-demais-pode-matar

Entenda porque água demais pode matar

Como essa substância essencial à vida pode acabar com ela? Segundo a PhD em química Anne Marie Helmenstine, consultora do site About.com, o problema é que ingerir muito desse líquido pode causar uma intoxicação conhecida como hiponatremia.

Anne explica que essa condição é mais comum em crianças com menos de seis meses de idade e, às vezes, também acontece com atletas, que perdem muita água e eletrólitos nas competições.

As nossas células buscam certo equilíbrio de concentração de sódio e, quando há excesso de água fora da célula, esta atrai sódio do interior numa tentativa de restabelecer a concentração necessária. Quanto mais água é acumulada, mais a concentração de sódio fora da célula diminui. Outra maneira de as células manterem esse balanço é absorver a água de fora. Essa tentativa de restabelecer o balanço faz com que as células inchem a ponto de romperem.

O perigo da hiponatremia

A hiponatremia pode causar batimentos cardíacos irregulares, a entrada de líquidos nos pulmões e tremulações nas pálpebras. A intoxicação por água ainda causa inchação no cérebro e nervos e pode fazer que a pessoa afetada tenha um comportamento que lembra o de alguém com intoxicação alcoólica.

A inchação do cérebro ainda pode causar tontura, coma e a morte, caso a ingestão de água não seja restringida e uma solução hipertônica salina (com sódio) seja administrada. Se a pessoa for atendida antes de o problema causar muito dano celular, a recuperação leva poucos dias.

Anne diz ainda que podemos sim tomar muita água – um adulto pode processar 15 litros do líquido em um único dia. A intoxicação ocorre quando se toma muita água em um curto espaço de tempo. Em resumo: a não ser que você seja um maratonista ou um bebê, a chance de sofrer de hiponatremia é muito pequena.

Fontes: About e Terra Notícias

________________________________________________

Lembre-se: beber água é muito importante e todos nós devemos beber, no mínimo, 2 litros por dia. Os problemas desse artigo só acontecem quando existe uma ingestão de grande quantidade de água em pouco tempo.

Autor

Católico Apostólico Romano, Publicitário, funcionário público, ilustrador e blogueiro. Apreciador de quadrinhos, artes e tudo o que pode transformar vidas para melhor. Acredita que fé em Deus, conhecimento, troca de informações e experiências podem ajudar a construir um novo mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *