Curiosidades / Saúde e Bem-Estar

Por que sentimos sono depois de comer?

É interessante saber que é muito normal sentirmos sono depois daquela refeição caprichada. Mas por que isso acontece?

sono-depois-do-almoçoSegundo Lígia Mendonça Lucchesi, pesquisadora da Associação Fundo de Incentivo à Farmacologia, do Instituto do Sono, em entrevista à Revista Escola“Existem conexões no cérebro que regulam o estado de alerta de acordo com o nível de saciedade”. É esse mecanismo que nos deixa com sono depois de comer e mais despertos quando estamos com fome.

Tudo isso acontece porque as células nervosas que comandam o processo são afetadas pela glicose, um açúcar encontrado nos alimentos. Quando comemos, o nível de glicose no organismo aumenta e inibe a ação dessas células, fazendo com que parem de enviar sinais para nos deixar atentos e provoquem o sono. Essa descoberta foi feita em 2006, por pesquisadores da Universidade de Manchester, na Inglaterra.

Existem também fatores que agravam essa moleza após as refeições. Alimentos mais pesados como uma feijoada exigem uma digestão mais difícil e consomem mais energia. Então se você quer evitar as famosas “pescadas” no trabalho, é melhor fazer refeições mais leves como saladas, por exemplo.

Deu aquele soninho depois de comer? Aproveita!

Lígia afirma que a dormir depois das refeições não é prejudicial à saúde ou ao processo de digestão, como muita gente pensa. “Ao contrário, a soneca tem um efeito benéfico sobre o organismo, promovendo melhora na atenção e concentração após o despertar”. Bom saber disso, né?

_________________________________

Sabe aquele seu amigo que adora cochilar depois das refeições? Mostre esse artigo a ele!

Autor

Católico Apostólico Romano, Publicitário, funcionário público, ilustrador e blogueiro. Apreciador de quadrinhos, artes e tudo o que pode transformar vidas para melhor. Acredita que fé em Deus, conhecimento, troca de informações e experiências podem ajudar a construir um novo mundo.

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *