Eduardo Marinho
Comportamento / Vídeos

Eduardo Marinho nos mostra o que a razão não alcança

A vida em sociedade é mais complexa do que pode parecer, e no artigo de hoje você verá um conteúdo que nos convida a pensar de maneira mais profunda. A análise parte do princípio de que as pessoas são influenciadas pelo meio em que vivem, e muitas vezes não se dão conta disso. Na verdade, essa influência é mais poderosa do que se imagina e é urgente que se rompa com algumas amarras impostas pelo sistema que favorece os poderosos.

O sistema?

Não queremos entrar em disputas políticas e ideológicas entre direita ou esquerda, pois já está mais do que provado que comunismo, capitalismo e outros “ismos” são utilizados pelos poderosos em seu benefício. Dessa forma, defender os desfavorecidos não significa defender um nome, um sistema ou um partido, mas sim defender a justiça social, a igualdade, a inclusão.

Eduardo Marinho

Eduardo Marinho.
Eduardo Marinho.

Eduardo Marinho é um artista plástico, escritor, ativista social e filósofo.

Ele é protagonista do documentário «Observar e Absorver», produzido em 2016 e dirigido por Júnior SQL e do documentário Via Celestina, produzido pelo Hare Brasil idealizador do Traficando Informação, que mostra os bastidores das viagens para realização de palestras. Eduardo também possui o blog Observar e Absorver onde compartilha seus pensamentos acerca da sociedade e da vida.

Todos os seus trabalhos têm uma boa dose de contestação sobre os valores da nossa Sociedade e daí ser conhecido por “filósofo das ruas”.

O que a razão não alcança

O vídeo a seguir é uma animação que ilustra uma palestra de Eduardo Marinho, e foi produzido pelo canal Eureka! Assista, reflita, busque informação, forme opinião crítica, não aceite tudo passivamente (inclusive o conteúdo deste vídeo) e saia da sua zona de conforto.

Autor

Católico Apostólico Romano, Publicitário, funcionário público, ilustrador e blogueiro. Apreciador de quadrinhos, artes e tudo o que pode transformar vidas para melhor. Acredita que fé em Deus, conhecimento, troca de informações e experiências podem ajudar a construir um novo mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *