Dicas de Escrita / Dicas de Leitura

Por que a Língua Portuguesa é tão difícil? Veja várias palavras difíceis de entender e escrever

É interessante saber que a Língua Portuguesa é uma das mais difíceis do mundo. Com todas as suas regras, casos especiais e aplicações complicadas, muitas vezes vemos até professores de Português cometendo equívocos na hora de escrever.

é difícil entender o Português

O excelente site Norma Culta tem milhares de dicas que podem nos ajudar a errar menos na hora de escrever.

Vamos aprender um pouco mais?

A maior facilidade ou dificuldade de uma determinada palavra pode estar relacionada com um maior ou menor uso da mesma, com expressões próprias de diferentes regiões, com linguagem específica de diferentes profissões, bem como com o nível de diversidade vocabular do falante, entre outros.

Algumas palavras difíceis de entender:

  • abduzir – sinônimo de afastar, arrebatar e raptar
  • acrimônia – sinônimo de azedume e mordacidade
  • adstrito – sinônimo de unido, ligado e apertado
  • belicoso – sinônimo de agressivo, guerreiro e armífero
  • capcioso – sinônimo de enganoso, manhoso e ardiloso
  • chistoso – sinônimo de brincalhão, engraçado e divertido
  • coalizão – sinônimo de aliança e coligação
  • cominar – sinônimo de ameaçar (com um castigo)
  • consociação – sinônimo de conciliação e associação
  • corolário – sinônimo de resultado, conclusão e consequência
  • dissentir – sinônimo de discordar e discrepar
  • eflúvio – sinônimo de perfume e aroma
  • elucubrações – sinônimo de conjectura, consideração e especulação
  • empedernido – sinônimo de petrificado, duro e inflexível
  • engodar – sinônimo de enganar e iludir
  • exórdio – sinônimo de prólogo e preâmbulo
  • homizio – sinônimo de esconderijo e valhacouto
  • idiossincrasia – sinônimo de característica e particularidade
  • ígneo – sinônimo de ardente e inflamado
  • influição – sinônimo de influência e influxo
  • jaez – sinônimo de espécie, tipo e qualidade
  • lauto – sinônimo de abundante e suntuoso
  • loquaz – sinônimo de tagarela e falador
  • mediatário – sinônimo de mediador
  • opróbrio – sinônimo de vergonha, ofensa e insulto
  • oscular – sinônimo de beijar
  • pecúlio – sinônimo de dinheiro, economia e patrimônio
  • perdulário – sinônimo de esbanjador e gastador
  • pernóstico – sinônimo de pretensioso, esnobe e afetado
  • plaga – sinônimo de região e país
  • procrastinar – sinônimo de adiar e postergar
  • prolegômenos – sinônimo de princípios e rudimentos
  • quimera – sinônimo de fantasia, utopia e ilusão
  • rubicundo – sinônimo de avermelhado e corado
  • tergiversar – sinônimo de hesitar (com desculpas e rodeios)
  • ufanismo – sinônimo de nacionalismo e patriotismo
  • vicissitudes – sinônimo de eventualidade e contingência
  • vitupério – sinônimo de afronta, injúria e ultraje

Devemos redobrar a atenção com as palavras de áreas específicas

Existem várias palavras usadas no âmbito jurídico, na medicina, na botânica, na linguística,… que, embora fáceis para os profissionais dessas áreas, são difíceis para a generalidade dos falantes, como: estorno, arresto, cedente, broncodilatador, imunoglobulina, antologia, pistilo, pragmática, fonologia e várias outras.

Palavras difíceis de escrever

Várias palavras são usadas habitualmente e, embora não possuam um significado difícil, possuem uma ortografia que gera dúvidas, levando muitas vezes ao erro. Vejamos algumas:

Palavras com X e CH

Confundir palavras com x e palavras com ch é muito comum porque o x pode assumir o valor de ch quando aparece no princípio ou no meio da palavra.

Exemplos de palavras com x ou ch:

  • enxergar (e não enchergar);
  • mexer (e não mecher);
  • xícara (e não chícara);
  • xingar (e não chingar);
  • caprichar (e não caprixar);
  • chilique (e não xilique);
  • chuchu (e não xuxu);
  • deboche (e não deboxe);
  • piche (e não pixe).

Veja também: Palavras com x e Palavras com ch

Palavras com G e J

A troca entre g e j é um erro muito comum, se devendo ao fato das consoantes g e j representarem o mesmo fonema quando formam sílaba com a vogal i e com a vogal e: ge/je ou gi/ji.

Exemplos de palavras com g ou j:

  • jeito (e não geito);
  • jiboia (e não giboia);
  • majestoso (e não magestoso);
  • sujeito (e não sugeito);
  • bege (e não beje);
  • corrigir (e não corrijir);
  • dirigir (e não dirijir);
  • exigir (e não exijir);
  • tigela (e não tijela);
  • passagem (e não passajem);

Palavras com S e Z

O erro nas palavras com s e nas palavras com z ocorre porque a consoante s assume a pronúncia z quando aparece no meio das palavras em posição intervocálica, ou seja, entre duas vogais.

Exemplos de palavras com s ou z:

  • desenho (e não dezenho);
  • pesquisa (e não pesquiza);
  • quiseram (e não quizeram);
  • traseira (e não trazeira);
  • atrasado (e não atrazado);
  • colisão (e não colizão);
  • lasanha (e não lazanha);
  • quase (e não quaze);
  • riqueza (e não riquesa);
  • tranquilizar (e não tranquilisar).

Veja também: Palavras com s e Palavras com z

Palavras com S, C, Ç e SS

Palavras com s, palavras com c, palavras com ç e palavras com ss geram confusão, uma vez que o som s, embora representado principalmente pela letra s, pode ser também representado por outras letras, como c (cedo), ç (almoço) e ss (missa).

Exemplos com S e Ç (principalmente nas terminações -ensão e -enção):

  • suspensão (e não suspenção);
  • compreensão (e não compreenção);
  • pretensão (e não pretenção);
  • expansão (e não expanção);
  • apreensão (e não apreenção);
  • detenção (e não detensão);
  • assunção (e não assunsão);
  • contorção (e não contorsão);
  • distorção (e não distorsão).

Exemplos com S e C:

  • consenso (e não concenso);
  • ansioso (e não ancioso);
  • obsessão (e não obcessão);
  • subsídio (e não subcídio);
  • pretensioso (e não pretencioso);
  • consistente (e não concistente);
  • suspense (e não suspence).

Exemplos com Ç ou C e SS:

  • execução (e não execussão);
  • maciço (e não massiço);
  • concessão (e não conceção);
  • necessidade (e não nececidade);
  • vicissitude (e não vicicitude);
  • permissão (e não permição);
  • discussão (e não discução).

Veja também: Palavras com ss e Palavras com ç

Palavras difíceis de pronunciar

Existem ainda outras palavras usadas frequentemente que, embora também não possuam significado difícil, possuem uma pronúncia que gera dúvidas, levando igualmente ao erro.

Existe uma parte da fonética que trata da correta articulação dos grupos vocálicos e dos fonemas consonantais. Chama-se ortoépia. Os erros mais comuns de ortoépia são:

1. Articulação de sons que não existem na palavra.

  • absolutamente (e não abisolutamente);
  • absurdo (e não abisurdo);
  • amnésia (e não aminérsia);
  • advogado (e não adevogado);
  • beneficente (e não beneficiente);
  • idolatrada (e não idrolatrada).

2. Não articulação de sons que existem na palavra.

  • brincadeira (e não brincadera);
  • manteigueira (e não manteguera);
  • cabeleireiro (e não cabelereiro);
  • propriedade (e não propiedade);
  • frustrar (e não frustar);
  • perturbar (e não pertubar);
  • retrógrado (e não retrógado);
  • prostração (e não prostação);
  • frustração (e não frustação).

3. Troca de sons existentes na palavra.

  • companhia (e não compania);
  • bicarbonato (e não bicabornato);
  • predominado (e não pedrominado);
  • depredar (e não depedrar);
  • padrasto (e não padastro);
  • madrasta (e não madastra).

4. Assimilação e extensão da nasalidade de uma sílaba para outra.

  • mendigo (e não mendingo);
  • identidade (e não indentidade);
  • reivindicar (e não reinvindicar);
  • reiterar (e não reinterar);
  • mortadela (e não mortandela);
  • sobrancelha (e não sombrancelha).

Existe também uma parte da fonética que trata da acentuação tônica das palavras. Chama-se prosódia. Erros de prosódia são comuns, principalmente transformando palavras paroxítona em proparoxítona.

Exemplos de erros de prosódia:

  • recorde (e não récorde);
  • rubrica (e não rúbrica);
  • pudico (e não púdico);
  • nobel (e não nóbel).

Veja também: Outros exemplos de erros de ortoépia e prosódia.

Palavra difícil de traduzir

A palavra portuguesa saudade é considerada por tradutores profissionais como uma das palavras mais difíceis de traduzir a nível mundial. A principal dificuldade na tradução está relacionada com o sentimento associado a essa palavra e o contexto cultural que existe na base da mesma.

_______________________________________________

Ufa! Quanta coisa, né? E olha que isso é apenas uma pequena parte de nosso idioma. A Língua Portuguesa é realmente difícil e pode ser muito cansativo tentar aprender tudo isso. Para facilitar as coisas, você pode ler um pouquinho de cada vez e tentar praticar sempre que puder. Visite o site Norma Culta e saiba muito mais. Este conteúdo foi retirado de lá.

Autor

Católico Apostólico Romano, Publicitário, funcionário público, ilustrador e blogueiro. Apreciador de quadrinhos, artes e tudo o que pode transformar vidas para melhor. Acredita que fé em Deus, conhecimento, troca de informações e experiências podem ajudar a construir um novo mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *