Quem ama o perigo, morrerá por causa dele

Santo Tomás de Aquino diz que quando nos expomos voluntariamente ao perigo ou não nos afastamos dele, Deus se entristece e acaba por nos abandonar, porque respeita a nossa liberdade. Se você quer errar, a escolha é sua e as consequências serão assumidas por você. Fazer isso é tentar a Deus.